Dúvida do Candidato: Será que Um dia Passo no Concurso?

Por  •  9 ago 2012  •  Dúvidas Respondidas  •  2 Comentários
concursos públicos dúvidas dos candidatos como se preparar como passar 2011 e 2012

Estimado Professor Rogerio Neiva, 

Demorei alguns dias para tomar coragem e iniciativa de mandar essa mensagem, pelo receio de que não seria respondida e pelo desânimo que me imobilizava. Na verdade ainda me sinto desanimada, mas já estou melhor, tanto que consegui ter atitude para mandar esta mensagem. 

Já tive algumas reprovações. Mas houve uma recente que me frustrou bastante, pois tinha uma enorme expectativa de que passaria ao menos na prova objetiva (para a 2ª fase do concurso), o que não ocorreu. 

Estou estudando de verdade, de forma “seria”, como você sempre diz. 

Mas as vezes me pego me questionando se realmente vou conseguir passar no concurso. O que pode me dizer? 

Sei que não gosta muito da auto-ajuda para concurseiros. No entanto, até pelo respeito que tenho pelo seu trabalho, não vejo pessoa melhor para procurar. 

Aguardo sua resposta, mas me responda apenas quando puder. 

Abraços e obrigado por tudo que tem produzido para nos orientar nos estudos! 

Tamara 

Cara Tamara,

Primeiramente, registro que, de fato, infelizmente, é humanamente e matematicamente impossível responder todas as mensagens que recebo. Porém me empenho para responder o maior número possível, com cuidado e atenção, ainda que num prazo além do ideal.

Sua angústia é a mesma de muitos candidatos que estão na estrada da preparação para o concurso e de muitos que já cruzaram esta estrada, dentre os quais me incluo.

Como você já antecipou, neste momento, considero que o ideal é racionalizar a situação.

Assim, entendo pois, por um lado, as abordagens do tipo “você vai vencer, acredite nos seus sonhos” são superficiais e insuficientes, sendo que, por outro, ficar à devirá significa alimentar pensamentos como o que você relata, do tipo “será que isto é para mim?”.

Por isto, não tenho dúvida de que o caminho é racionalizar. É usar aquilo que temos de mais importante neste processo, que é a nossa cognição e a nossa inteligência, o que muita gente tem preguiça de usar, preferindo as abordagens do tipo autoajuda para concurseiros.

Neste sentido, o primeiro passo para racionalizar a situação é promover um verdadeiro diagnóstico da reprovação, de modo a ter a clareza do que efetivamente aconteceu. Por isto, é fundamental que você leia o texto do link abaixo e depois faça o seu diagnóstico:
Clique aqui para ler DIAGNÓSTICO DA REPROVAÇÃO 

Espero que ajude, desejo que supere este momento que será passageiro e fico no aguardo do seu retorno.

Bom diagnóstico e, aproveitando ainda para um último conselho, Foco no Processo!

Rogerio Neiva

2 comentários até agora. Deixe o seu.

  1. @SagaFederal disse:9 ago 2012 às 2:52 pm · Responder

    Como sempre, o Mestre Neiva usando sua sabedoria para ajudar os concurseiros à deriva. É um exemplo pra mim.

    Colega Tamara,

    Recentemente, apliquei esse Diagnóstico da Reprovação no último concurso da Polícia Federal que fiz. Consegui com isso, identificar quais erros cometi não só do ponto de vista de conteúdo, mais também no tocante à minha preparação como um todo.

    Ainda não consegui lograr exito em nenhum concurso. Todavia, percebo que essa aprovação não é meramente acertar as questões. Acredito que a aprovação é uma questão de maturidade, crescimento pessoal e muito sacrifício. O mais importante de tudo isso é NUNCA, JAMAIS e em NENHUMA HIPÓTESE desistir.

    O Universo sempre conspira a favor daqueles que fazer a sua parte. Avante SEMPRE

    Abraços Federais

    @sagafederal

Menções deste artigo em outros sites:

  1. Dúvidas dos Candidatos Coach de Concursos e Consultoria em 2012

Deixe um Cometário